EBITDA

EBITDA: o que é e para que serve

Investidores de todos os níveis precisam entender de indicadores financeiros para compreenderem os balanços das empresas. O EBITDAEarning before interests, taxes, depreciation and amortization – é um indicador para analisar as empresas de capital aberto. Esse indicador aponta os lucros antes de juros, impostos, depreciação e amortização.

No caso de empresas que usam o EBITDA, se torna possível descobrir a realidade financeira, para poder analisar a performance da empresa em determinado período. Dessa forma, é possível apurar a receita da empresa de acordo com as atividades exercidas. Porém, esses indicadores não apontam os investimentos financeiros, nem os impostos e empréstimos.

Veja também: balanço Patrimonial: entenda o que é e sua função nas empresas.

 

EBITDA

 

Conceito de EBITDA

O EBITDA é um relatório que demonstra quanto a empresa está gerando de recursos. Porém, só é levado em consideração a geração desse relatório a partir de atividades operacionais, sem contar os efeitos de impostos.

Os dados recolhidos servem para analisar a performance, competitividade e eficiência da empresa. Essa análise pode ser feita com a própria empresa comparando os números de um determinado período ou com concorrentes. O EBITDA facilita – e muito – essa análise justamente por não levar em consideração impostos, financiamentos ou a depreciação de impostos. Dessa forma, é possível colocar duas empresas lado a lado e fazer a comparação, mesmo que sejam de países diferentes.

Para que serve o EBITDA?

Serve para a geração de dados sobre o caixa da empresa, ou seja, é um relatório com dados sobre a produtividade e eficiência do seu negócio.

Portanto, se você tem dúvidas se sua empresa está dando lucro ou prejuízo esse é o primeiro passo de análise.

Como calcular o EBITDA?

Primeiro você precisa saber o lucro operacional da sua empresa, ou seja, o lucro gerado em seu negócio sem as despesas administrativas, comerciais e operacionais.

Depois de saber o valor do lucro, adiciona-se a depreciação e a amortização que está inclusa no custo da mercadoria vendida. Com esse resultado, soma-se a despesa financeira líquida. O total dessa conta é o valor do EBITDA.

Lucro operacional

Para fazer o cálculo do lucro operacional, é preciso saber o valor do lucro bruto, das despesas operacionais e das receitas operacionais.

O cálculo fica:

Lucro operacional = lucro bruto – despesas operacionais + receitas operacionais

O valor geral faz parte do documento de demonstração do resultado do exercício (DRE).

Vantagens do EBITDA

Ter o EBITDA como indicador para sua empresa traz muitos benefícios, veja alguns:

  • Oferece parâmetro para análise;
  • É possível comparar com outras empresas, para assim, melhorar o resultado da sua;
  • A comparação pode ser feita em empresas de países diferentes.

 

Conclusão

Com os dados é possível entender qual é a eficiência da sua empresa em comparação a outras do mesmo ramo. Isso faz com que você saiba os pontos positivos e negativos e como melhorá-los. Esses números não dizem respeito a questão financeira da empresa, mas sim da performance.

Agora que você já sabe para que serve e como fazer coloque em prática a análise do EBITDA em sua empresa.

 

EADSummit

Eadsummit


Categorias