papel cvo

O que é CVO? Entenda mais essa sigla da era dos negócios digitais

É comum que cada profissão tenha suas próprias expressões e siglas para se referirem a cargos e projetos. E na área digital não é diferente. Já no exterior, as siglas iniciadas com “C” – como CEO, por exemplo – são utilizadas com frequência para definir os cargos. Porém, existem outras funções que vão além dessa. Uma delas é o CVO. Porém, você sabe o que é CVO?

De maneira clara e resumida a letra “C” no início de um cargo significa “Chief”. Ou seja: é o maior responsável por determinada área de atuação dentro da empresa. Como exemplo, o CEO é o “Chief Executive Officer”. Em português, esse cargo poderia ser traduzido como “Diretor Executivo” ou “Diretor Geral”. É o profissional CEO da empresa que dá a palavra final nas decisões. É o maior responsável pela instituição.

Porém, o CEO é só um dos exemplos dos cargos que começam com “C” e precisam ser conhecidos e entendidos, principalmente por pessoas que trabalham com inovações e negócios digitais. Assim sendo, com esse artigo você terá conhecimento sobre outros cargos e saberá profundamente sobre o que é o que é CVO. Ainda, terá noção da importância desse cargo.

o que é cvo

Os demais cargos iniciados com “C”

Há muitas outras siglas para designar os cargos mais altos de uma empresa, os mais comuns, além do CEO, são:

CTO (Chief Technology Officer)

O CTO de uma empresa é o máximo responsável por toda a área de infraestrutura tecnológica de uma instituição. Na prática, essa função pode ser entendida como a do diretor técnico. A principal função do CTO é garantir que os sistemas tecnológicos estejam em perfeito funcionamento. Para isso, o CTO deve desenvolver soluções que solucionem e evitem problemas técnicos em relação aos produtos e serviços da empresa.

CFO (Chief Financial Officer)

O CFO de uma empresa é o diretor financeiro da instituição. Assim sendo, é o responsável pela administração dos riscos financeiros de um negócio. Dessa maneira, cabe ao CFO medir e manter a saúde financeira de uma empresa – não sozinho, é claro. Assim, controla o fluxo de caixa e oferece soluções para otimizar essa área.

CMO (Chief Marketing Officer)

O CMO é o diretor de marketing de uma empresa. Para essa ação, é importante que tenha amplo conhecimento da importância do marketing no mercado atual. Assim, o CMO pode ser considerado um “braço direito” do CEO. Isso porque seu objetivo é criar e oferecer planos de marketing que fortaleçam a imagem da organização. Ainda, cabe ao CMO encontrar novas iniciativas para encantar o público e desenvolver campanhas de sucesso.

COO (Chief Operation Officer)

O COO de uma empresa é o diretor de operações. Resumidamente, o COO de uma empresa é o responsável por comandar as operações sob a orientação do CEO. Esse é um cargo que passa a ser importante depois que a empresa já está em pleno funcionamento, após seu segundo ou terceiro ano de vida. A partir de então o CEO deve ir em busca do COO ideal. Normalmente, o COO é quem sucede o CEO.

O COO deve supervisionar as operações cotidianas, garantindo que os demais chefes e gerentes atuem de maneira efetiva.

– Para saber um pouco mais sobre o papel do COO, confira o artigo baseado nas informações do COO e presidente da plataforma Wix, Nir Zohar: Inovação: 3 Formas de Mantê-la Quando a Startup Cresce

E, por último, o CVO (Chief Visionary Officer)

Para saber o que é CVO, o primeiro passo é entender que esse é um profissional visionário – como a própria sigla sugere. Em uma empresa, ele é o diretor responsável pelo futuro da empresa. Ele atua na visão do negócio como um todo. Ainda é um cargo que não se faz presente em todas as instituições, porém, é extremamente importante para o desenvolvimento de uma corporação. Por isso, separamos um tópico apenas para explicá-lo.

Afinal, o que é CVO?

O CVO é o diretor que busca novas soluções e maneiras de alcançar os objetivos da empresa. Ele representa a visão da instituição e tem, entre as suas funções, o trabalho de atender às pessoas.

Resumidamente, o CVO é um visionário. É um profissional que pensa além da empresa. Ele vê todo o universo em que a instituição está inserida – e, a partir de então, sugere novos planos. Apesar de oficialmente o CVO não ser um cargo comum em todas as empresas, é comum que as grandes instituições sempre tenham pelo menos um bom líder visionário.

Para ser um bom CVO é preciso muito estudo e dedicação. Isso porque, assim como nos outros cargos de diretoria, o CVO precisa ter grande domínio sobre a sua área. Porém, como a sua área de atuação é muito extensa – afinal, deve estar preparado para o futuro, – o CVO precisa ter um grande conhecimento de mundo em diferentes temas. O CVO precisa pensar em novos negócios e também conhecer e estar em contato com o cliente.

– Uma das funções do CVO é auxiliar a empresa a desenvolver a cultura de inovação. Para saber mais sobre o assunto, confira: Veja como desenvolver uma cultura de inovação nas empresas

Toda empresa precisa de um CVO?

As grandes instituições, para chegar onde chegaram, precisaram de boas ideias. Mas, mais do que isso, contaram com profissionais visionários, que propuseram novidades e a transformaram em realidade. Apesar de o CVO ser um cargo relativamente novo – foi citado pela primeira vez nos anos 90 – ele sempre foi essencial para o sucesso de uma instituição.

À princípio, toda empresa possui sua visão bem definida, certo? Então, para garantir que toda a equipe trabalhe para alcançar esse objetivo maior, o CVO entra em ação. Ele representa essa atitude dentro da organização e indica a direção para onde a empresa deve seguir em direção ao avanço esperado.

Você já sabe o que é CVO! Que tal se preparar para desempenhar essa função?

Sabendo o que é CVO e a sua importância para o desenvolvimento de uma instituição, que tal desenvolver as habilidades dessa função? Ressaltamos que todo profissional possui a capacidade de desenvolver um olhar visionário e fazer a diferença. Você está pronto para isso? Que tal começar ainda hoje? Desenvolva leituras sobre o assunto e busque por soluções diferentes para questões antigas.

Ficou com alguma dúvida sobre o assunto? Comente e compartilhe conosco!

CTA Produtividade

banner ebook produtividade


Categorias