herospark-midi-banner-venda-seu-produto-digital

Você já ouviu falar em brainstorming? A tempestade de ideias é uma técnica bem conhecida para estimular a criatividade entre grupos de trabalho. Por isso, é uma ótima forma de resolver problemas!

Diversas pessoas compartilham ideias sem censura para chegar a uma solução. Neste texto, você aprenderá algumas dicas de como organizar essa prática para alavancar o seu curso online!

O que é brainstorming?

Antes de começarmos, vale a pena entender melhor o conceito.

Basicamente, o brainstorming é uma reunião em que integrantes de uma equipe compartilham todas as ideias possíveis para resolver um problema.

Como o nome sugere, a ideia é fazer realmente uma tempestade de ideias. Por isso, quanto mais, melhor. Somente em um segundo momento é feito um filtro para ver o que realmente faz sentido.

O brainstorming normalmente é feito para encontrar soluções criativas. A partir de um grande volume de ideias, fica mais fácil encontrar a solução ideal para alguma situação.

Por exemplo, em cursos online o brainstorming pode ser feito para descobrir a melhor maneira de engajar alunos, como divulgar um novo curso, ou como estruturar as aulas de um novo módulo.

Como fazer um brainstorming?

O brainstorming é uma dinâmica de grupo que não precisa de muitos investimentos, além do tempo de cada um dos participantes. 

Ele pode ser feito com pessoas de um mesmo time ou reunir colaboradores de vários grupos, dependendo da finalidade.

Vamos aos passos de como fazer: 

Identifique o problema

O primeiro passo é informar a todos os participantes qual é o problema que o brainstorming busca solucionar. Tente ser objetivo na definição das metas porque isso facilita o trabalho da equipe.

Por exemplo, ao invés ter como objetivo “tornar o curso online mais rentável”, é mais eficiente descobrir maneiras de aumentar o número de alunos ou de aumentar o ticket médio de cada um.

Deixe as pessoas à vontade e não critique nenhuma ideia

No brainstorming ninguém pode ter vergonha de compartilhar nada. 

Dê tempo para as pessoas organizarem os pensamentos e não julgue nenhuma ideia negativamente.  Mesmo que a ideia pareça louca ou sem noção, ela deve ser compartilhada. 

Outras pessoas podem complementar a ideia, ela pode originar outras sugestões, ou no final das contas pode ser uma boa maneira de pensar fora da caixa. 

Quando as pessoas estiverem falando, priorize quantidade.

Não interrompa, mas faça com que todos participem

Mediar um brainstorming pode ser complexo. Algumas pessoas naturalmente falam mais, enquanto outras ficam mais caladas.

No entanto, a ideia é que todo mundo participe. Por isso, incentive a contribuição de todos (mas sem deixar ninguém desconfortável).

Do mesmo modo, faça com que a conversa seja feita de uma só vez, sem interrupções, pausa para o cafézinho ou para atender ligações. Tudo isso atrapalha o fluxo criativo.

Transforme as ideias

O brainstorming é um exercício de criatividade, então ele não tem tanto foco na estrutura. Isso permite que os participantes transformem as ideias. 

Nesse sentido, modificando as ideias que parecem ruins em um primeiro momento, é possível chegar a soluções bastante criativas e eficientes. 

Crie planos de ação

Depois do brainstorming, chegou a hora de organizar os pensamentos e definir quais ações tomar. É apenas neste momento que você começa a selecionar as ideias que mais fazem sentido. 

A partir das sugestões, veja de que forma colocar em prática da melhor maneira e modifique se necessário. 

Brainstorming sozinho funciona?

Sim, é possível fazer a tempestade de ideias por conta própria também. Os passos são os mesmos, mas o processo é um pouco diferente:

  1. Primeiro, você encontra referências. Por exemplo, com pesquisas na internet ou análise de concorrentes.
  2. Depois, você anota absolutamente todas as suas ideias para resolver determinado problema.
  3. E por fim, escolhe as melhores ideias para colocar em prática.

Dá pra fazer brainstorming à distância?

Sim, é possível. A dinâmica das conversas muda um pouco sem o contato presencial, mas ferramentas como o Google Meet ou o Slack permitem compartilhar ideias para fazer um brainstorming.

Agora que você já sabe o que é e como fazer um brainstorming, que tal colocar em prática para elevar o nível do seu curso online?

Para mais conteúdos relevantes como este sobre empreendedorismo e cursos online, conheça o blog da HeroSpark

herospark-bottom-banner-venda-seu-produto-digital

Categorias