meta smart

Saiba como atingir seus objetivos com uma meta SMART

Definir metas e objetivos antes de tomar qualquer ação é uma atitude importante para a conquista de objetivos. No cenário empresarial, ganha espaço a meta SMART, que é uma ferramenta que auxilia na definição de metas a serem alcançadas.

  • Esse método possui esse nome porque vem da inicial de 5 palavras em inglês. São elas
    S = specific (específico)
    M = measurable (mensurável)
    A = attainable (atingível)
    R = relevant (relevante)
    T = time based (ou temporal)

Veja também – Definição de metas para seu curso online

meta smart

Colocando a meta SMART em prática:

Apenas citar o significado de cada letra não explica de forma didática o seu significado. Por isso, explicaremos com exemplos o que é cada letra:

S – Specific, ou específica

Uma meta, para ser considerada específica, deve responder algumas perguntas. São elas:

  • O que eu quero alcançar com essa meta?
  • Como ela será alcançada?
  • Onde ela será realizada?
  • Quem serão os responsáveis por ela?
  • Qual o motivo que faz ela ser seguida?

Assim sendo, fica claro que: para definir uma meta SMART, o primeiro passo é entender e saber como responder essas questões básicas. A partir de então, é possível seguir em frente para a próxima letra.

M – Measurable, ou mensurável

Toda meta a ser criada deve ter como ser medida – ou mensurada. É isso que o “M” de “SMART” significa. Para uma meta ser mensurada, ela precisa responder as perguntas:

  • Quanto tempo será necessário para alcançá-la?
  • Qual o resultado que quero obter?

A – Attainable, ou atingível

A meta foi criada para ser atingida. Ou seja, antes de traçar um objetivo, é preciso avaliar, principalmente, o ponto a seguir:

  • É possível atingir a meta?

Para saber dessa resposta, avalia-se o histórico da empresa e, se necessário, faz uma pesquisa com os colaboradores da instituição. É preciso que as respostas sejam positivas para que o objetivo seja alcançado como desejado.

R – Relevant, ou relevante

  • A meta a ser conquistada é relevante?

Para saber se ela responde a essa questão, deve-se observar os principais números da empresa – número de clientes, faturamento e lucro. Quanto mais relevante for a meta, mais ela impactará nesses números.

T – Time based, ou temporal

O “T” na meta SMART ressalta a importância de estabelecer o tempo que será necessário para alcançar o objetivo traçado.

Veja mais – Gestão de tempo: aumente a produtividade e os resultados

Exemplos reais da meta SMART

Sabendo o que significa cada letra da meta, é hora de colocá-la em prática. Por isso, veja alguns exemplos tangíveis:

  • Aumentar 25% das vendas no setor masculino da loja de departamentos até novembro de 2018;
  • Instituir uma ação voluntária para os colaboradores da empresa até outubro de 2018. O objetivo é de arrecadar brinquedos para o dia das crianças, que é comemorado em 12 de outubro;
  • Efetivar 10 funcionários para a equipe de marketing até dezembro de 2018.

Por que essas podem ser consideradas metas SMART?

Porque são específicas, possuem resultados mensuráveis, são possíveis de ter atingidas, são relevantes para os objetivos da empresa e possuem um período para serem concluídas.

Toda empresa deve seguir uma meta SMART

Independentemente do setor, do número de clientes e colaboradores, do lucro, etc., toda instituição deve ter suas metas traçadas e anotadas. Assim, quando chegar o momento da conquista, será mais fácil de mensurar e poder analisar o crescimento da instituição.

Não é preciso esperar o ano novo chegar para traçar novas metas: comece hoje a traçá-las – e, assim que possível, corra atrás dos objetivos.

CTA Produtividade

banner ebook produtividade


Categorias