Porque investir em adwords

Curso online: Por que investir em AdWords?

Investir em Google Adwords ou não? Está é uma dúvida que acompanha a mente de vários empreendedores e produtores de cursos online. Quem trabalha com marketing de conteúdo sabe que é fácil traçar um perfil das pessoas que visitam o seu site, mas que elas não são necessariamente o seu público alvo. Uma maneira de atrair mais pessoas para o seu site, principalmente para quem está começando agora a produzir conteúdo para ensino a distância é através do Google AdWords.

Neste texto vamos tentar sanar as suas dúvidas e mostrar como desenvolver uma estratégia para aumentar o tráfego de prospects no seu curso online e aumentar o grau de conversão, gerando novos alunos.

CTA Ebook Promover

Banner_Ebook-Planejar-promover-cursos-online_Eadbox

Investir em Adwords meu Curso Online

Antes de mais nada, por mais que você esteja começando no mundo de desenvolvimento conteúdo para ensino a distância, vamos assumir que você é uma empresa, certo? Quanto menor a empresa, normalmente menor é o valor disponível para investimento em campanhas de publicidade. Todo mundo tem aquele amigo que tem ou já teve uma empresa e teve uma experiência com o Google AdWords. Mas, geralmente, eles não tiveram um planejamento e uma estratégia por trás deste investimento, e este pode ser o seu maior erro.

É possível sim fazer uma ótima campanha no AdWords e conquistar resultados satisfatórios com pouco investimento. Esta ferramenta é uma ótima maneira de conquistar novos alunos todos os dias. O que importa aqui não é a quantidade de valor investido, mas a criação e configuração da campanha.

Se você trabalha com marketing de conteúdo para promover o seu curso online, já percebeu que as coisas não acontecem da noite para o dia, não é mesmo? Acreditar que o investimento terá um retorno imediato pode frustrar você e afasta-lo desta ferramenta imprescindível para qualquer campanha de marketing. O investimento pode ser pequeno, mas se for constante você vai conseguir desenvolver as suas métricas e otimizar a sua campanha.

Aqui vai uma dica valiosa, evite mexer em suas campanhas o tempo todo. Você precisa de um certo tempo para analisar se a sua campanha está tendo o efeito esperado ou não. Para otimizar sua campanha é necessário trabalhar em cima das estatísticas e realizar os ajustes, melhorando o que está funcionando e trocando o que não está dando certo. Mas para conseguir estes dados e conseguir identificar onde melhorar. Faça alterações com, no mínimo, três dias para conseguir traçar uma boa métrica. Mexa na campanha antes disso apenas se for realmente necessário.

Se você está começando e está buscando crescimento, cada centavo é colocado na ponta do lápis e, certamente, faz a diferença no final do mês, não é verdade? Isso apenas aumenta a importância de possuir uma palavra chave que seja compatível com seu anúncio. Por exemplo: se você possui um curso sobre gastronomia e não ficar de olho em suas palavras chaves, pessoas que buscam por restaurantes podem acabar caindo em seus anúncios de AdWords.

Para trazer pessoas para o seu site é necessário mais do que saber quais palavras chave inserir. Fique atento aos erros de digitação, coesão, coerência e gramática. É um investimento controlado e você não pode se dar ao luxo de investir em algo que possa trazer prejuízo para você. Lembre-se que você está transmitindo o conhecimento, o conteúdo é sua principal arma em um ambiente virtual de aprendizagem. Ninguém vai querer aprender gastronomia seguindo um link patrocinado escrito “cosinha” ao invés de “cozinha”.

Você precisa ter um anúncio que se destaque dos seus concorrentes. Você precisa ser criativo para ser o escolhido em meio ao mar de anúncios de AdWords. As técnicas de venda de escassez como: “últimos dias” ou “por tempo limitado”; autoridade “mais de 2.000 alunos” ou “há 30 anos no mercado” costumam funcionar. Mas lembre-se que você deve sempre ser justo e sincero com seu cliente, se não tem desconto, não diga que possui desconto caso clique naquele link, é fácil para o cliente descobrir e isso pode prejudicar a sua imagem e da sua empresa.

Você fez a sua campanha, mas como medir se o resultado está sendo efetivo? É simples, você precisa de um código de conversão. Com ele você consegue identificar quantas pessoas acessaram o seu site através dos seus anúncios. A maioria dos sites hoje já possui capacidade para a instalação deste código.

Outra dica valiosa: os pequenos anunciantes normalmente colocam a rede de pesquisa e display em uma campanha só, e isso é um erro, pois o display chega a consumir até 80% da verba em alguns casos, e muitos não otimizam esta mídia. Ou seja, no final o retorno será péssimo. Separe as campanhas de pesquisa e display e dedique a maior parte da sua verba para a pesquisa, com isso você terá resultados melhores.

10 motivos para investir em AdWords

Se mesmo com este texto você ainda está em dúvida se deve ou não investir no Google AdWords, listamos 10 motivos para convencer você a acreditar nesta ferramenta.

O primeiro benefício de investir em AdWords é a otimização do tempo. Você não precisa ficar dias ou semanas para colocar uma campanha do Google Adwords em ação. Você mesmo pode fazer a sua campanha e gerencia-la sem muita dificuldade.

O segundo benefício é bolso. O Google Adworks possibilita que você economize e tenha um orçamento flexível. Quem acha que investir em publicidade é salgado, está enganado. No AdWords você define um limite diário de investimento, a ferramenta cuida para que nunca ultrapasse os limites de crédito, como um cartão pré-pago do celular. Também existe a possibilidade da campanha pós-paga. Tudo isso ajuda no seu controle contábil de fluxo de caixa.

O terceiro benefício são os seus clientes. O marketing digital, mais especificamente dos anúncios patrocinados, é a segmentação que é possível fazer. Com ela você define com extrema precisão o perfil do seu público alvo. Somente este nicho de pessoas que poderá ver os seus anúncios, deixando suas campanhas mais assertivas e personalizadas.

O pagamento por clique também é um benefício que deve ser levado em consideração. O modelo de pagamento mais utilizado no Google Adwords é o PPC – Pay Per Click. Nele você define um valor máximo que está disposto a pagar para que uma pessoa clique em seu anúncio. Se ninguém clicar, você não converte, mas tudo bem, pois você também não paga nada. Aqui a saída é investir em boas estratégias de SEO para atrair as pessoas certas, e então gerar um tráfego qualificado, que cheguem até o seu site através dos cliques dos anúncios em AdWords.

Ter um tráfego qualificado em seu site não tem preço, não é mesmo? Sabe aquela história de pessoa certa na hora certa? Então, quando você investe em links patrocinados e cria bons anúncios, você não perde tempo (nem dinheiro) com um público que não vai comprar de você. Seus anúncios aparecem somente para as pessoas que estão em busca do que você oferece (por isso a importância do SEO), aumentando as chances de conversão logo no primeiro clique.

A visibilidade para da sua marca também é importante. Os links patrocinados não servem apenas para vender.

Através deles você pode lançar sua marca no mercado, promover um conteúdo ou ainda fortalecer o relacionamento com sua audiência. Todas estas ações requerem visibilidade para que você chegue o mais próximo possível dos seus clientes e prospects. Isso o Google Adwords faz com primazia.

Além dos resultados de busca, a ferramenta dispõe de anúncios que são exibidos na rede de displays. Experimente procurar “bicicleta” no google e perceba que os anúncios que você verá em outros sites serão sobre bicicleta. É o Google AdWords.

O AdWords é uma ferramenta que lhe permite acompanhar em tempo real o fluxo da sua campanha. Como se não bastasse ser acessível a qualquer negócio, o Google Adwords ainda conta com a integração com o Google Analytics, fornecendo métricas e indicadores de desempenho para suas campanhas de links patrocinados gratuitamente. Com ele você sabe medir com precisão quantas vezes seus anúncios foram exibidos, quantos cliques foram dados, quantas rejeições seu link de destino teve, quantas pessoas foram convertidas, quanto custou cada clique e muito mais. Vale a pena conferir!

Você tem o controle total sobre os seus resultados. Você está a dois dias com sua campanha no ar para vender cursos online ou para aumentar o tráfego em seu site, mas nada de conversões? Não espere mais. Entre no Google Adwords, pause seus anúncios, modifique a estratégia e coloque-a em ação de novo. Você não precisa esgotar o seu orçamento para saber que uma campanha não deu certo. Acompanhando seu desempenho dia a dia, você faz os ajustes necessários e maximiza seu retorno sobre o investimento.

Para quem possui orçamento apertado, o Google AdWords é ideal. Se você as suas vídeo aulas não geram um ticket médio alto nem um grande volume de vendas, pense bem antes de investir no Google Adwords, pois o retorno com os links patrocinados deve ser maior do que o seu investimento. Por exemplo: imagine que você possui uma vídeo aula com dicas sobre maquiagem profissional, e a sua campanha de links patrocinados é voltada para gerar mais vendas.

Digamos que a cada R$20,00 investidos você gere uma venda do seu curso, que custa R$50,00. É um investimento alto, por isso você precisa ficar de olho no investimento inserido no Google AdWords, versus a quantidade de cursos que você vende. Afinal de contas, no final esta conta precisa fechar com lucro para você. Caso contrário, pode ser que a estratégia consuma mais recursos da sua vídeo aula do que traga novos clientes, comprometendo seu orçamento.

Por último, mas não menos importante: a concorrência de palavras-chave e o conteúdo de relevância. O Google Adwords funciona por meio de um leilão de palavras-chave que leva em consideração uma série de fatores: como o lance que você dá, relevância das palavras-chave, contexto do anúncio e concorrência das palavras-chave, entre outras. Quanto maior a concorrência das palavras-chave que você seleciona para os seus anúncios, mais difícil fica para ela aparecer nos resultados de busca. Sendo assim, antes de investir em Google Adwords, pesquise sobre SEO e identifique as palavras-chave que melhor se adequam à estratégia da sua campanha.

Mas afinal, vale a pena utilizar o Google AdWords?

São tantas vantagens dá vontade de colocar esses links patrocinados para funcionar de uma vez por todas, não é mesmo? Mas calma, antes de mergulhar de cabeça nesta estratégia, avalie as seguintes questões. Por mais que você consiga atrair uma boa quantidade de internautas com seus anúncios no Google Adwords, se a página de destino não tiver um conteúdo relevante, que prenda a atenção do visitante, você está jogando dinheiro fora.

Você precisa traçar um planejamento estratégico para direcionar a pessoa que chega do link patrocinado. Qual será o conteúdo que ela será impactada, como ela vai ser impactada? Nem sempre a landing page é o melhor caminho para o seu visitante chegar até o seu site. Estratégias com as camadas de funil de vendas devem ser definidas com antecedência, para que você consiga o melhor resultado possível. De nada vai adiantar todo seu esforço em conseguir um clique se depois disso, em segundos, o visitante abandonar sua página. Por isso é de extrema importância que você integre os links patrocinados a uma estratégia completa de marketing digital, considerando todas as ferramentas disponíveis para atrair, reter e converter mais clientes.

A plataforma ead certa para AdWords

Com uma plataforma ead completa você pode ajustar em seu planejamento de marketing uma estratégia para alavancar as suas vendas. A plataforma eadBox conta com ferramenta que permite você criar cupons de desconto por quantidade ou data. Experimente disponibilizar estes descontos para finalizar as suas vendas, inserindo eles em uma landing page, que será o destino da sua campanha no AdWords.

Agora falta você aplicar os conhecimentos deste texto na realidade do seu curso online, trazendo mais alunos e tornando ele um sucesso de vendas.

CTA Trial

Banner_Testar-Grátis-Eadbox


Categorias