herospark-midi-banner-venda-seu-produto-digital

Youtuber ganha dinheiro mesmo? Se você tem o desejo de produzir conteúdo na internet, com certeza já se fez essa pergunta. E também já se perguntou quanto tempo demora para começar a lucrar com os vídeos na internet. 

O número de inscritos impacta na rentabilidade do canal, mas não interfere diretamente nas somas, já que o YouTube monetiza o conteúdo através do número de visualizações dos anúncios. 

O único pré-requisito é ter pelo menos 1000 inscritos para poder ativar a monetização do canal. 

Para entender melhor como tudo isso funciona – e para aprender estratégias para ganhar dinheiro com YouTube, continue a leitura!

Youtuber ganha dinheiro mesmo?

O YouTube para criadores de conteúdo seguindo a métrica de CPM, abreviação de custo por mil.

Isso significa que a cada 1000 visualizações de propaganda, o youtuber ganha dinheiro, uma quantia fixa definida pela plataforma.

No início de 2021 esse valor era algo entre 0,25 e 4,50 dólares, o que equivale a cerca de 1 e 23 reais. 

Esse valor varia de acordo com o quanto os anunciantes pagam para exibir as propagandas nos seus vídeos.

Funciona assim: todas as empresas que quiserem anunciar no seu vídeo oferecem um valor. O YouTube calcula as melhores ofertas e os anúncios que mais se encaixam com seu conteúdo, e definem quem assiste cada anúncio.

Quanto maior for o lance da empresa, maior será o valor do seu CPM.

Por isso, é impossível definir exatamente quanto dinheiro ganha um youtuber, já que varia bastante.

Com quantos inscritos você começa a ganhar dinheiro no YouTube?

Como você viu, o número de inscritos não interfere diretamente no CPM, já que essa métrica leva em consideração a quantidade de visualizações do conteúdo – já que é isso que faz as pessoas assistirem os anúncios.

Por isso, não precisa ser o Felipe Neto ou o Kondzilla para começar a ganhar dinheiro! Mas é claro que eles vão ganhar muito mais.

O mínimo que você precisa ter é 1000 inscritos, mas esse número por si só dificilmente vai te dar retorno financeiro imediato, a menos que os seus conteúdos viralizem muito.

Vamos supor que você queira ter uma renda de 5 mil reais mensais só com YouTube.

Considerando o valor mínimo de CPM, você vai precisar de cerca de 2,8 milhões de visualizações mensais.

Segundo a Social Blade, que compila dados de redes sociais, canais que têm por volta de 1,5 milhões a 3 milhões de inscritos fazem esse valor. 

Ou seja: você pode ganhar muito dinheiro antes disso, já que precisa de menos visualizações de anúncios para ganhar 1000 ou 500 reais por mês, por exemplo.

Mas, para isso, precisa estar elegível para monetizar o canal.

Como monetizar um canal do YouTube

Para poder ativar a monetização do YouTube, o canal precisa ter no mínimo:

  • Ter mais de 1000 inscritos;
  • No mínimo 4 mil horas de conteúdo exibido no último ano;
  • Direito sobre todos os elementos de áudio e vídeo do conteúdo.

Além disso, é necessário seguir uma série de regras de conduta do YouTube. São passos bem simples, que existem para garantir que o conteúdo seja de qualidade e não propague nenhum tipo de preconceito ou discurso de ódio.

Portanto, se você cumprir esses pré-requisitos, o YouTube aprovará a sua solicitação e você passa a poder receber dinheiro com as visualizações de anúncios dos seus vídeos. 

Outras formas de Youtuber ganhar dinheiro 

Se você não gosta da ideia de depender da verba dos anunciantes para seguir sua carreira, saiba que este não é o único modo de ganhar dinheiro no YouTube.

Nesse sentido, existem várias outras maneiras de monetizar um canal, seja com ferramentas do próprio site, como o YouTube Premium e o super chat, ou usando a audiência do seu canal para divulgar a sua marca ou a de parceiros. 

Neste artigo do blog da HeroSpark, você pode conferir em detalhes quais são as formas de ganhar dinheiro com o YouTube e como funciona cada uma delas. 

Assim, um caminho interessante para ganhar dinheiro sendo youtuber é o seguinte:

  1. Publicar conteúdo de qualidade sobre o seu nicho de mercado;
  2. Monetizar seu canal;
  3. Construir audiência até conseguir uma quantia considerável via visualizações de anúncios;
  4. Usar este espaço para comercializar produtos digitais próprios, como e-books, planilhas, cursos online, entre outros;
  5. Fazer publicidade para outras marcas e empresas, quando julgar que o produto tem qualidade e é relevante para a audiência.

Assim, você não fica dependendo de apenas uma fonte de renda e consegue ganhar dinheiro com um número menor de inscritos.

Em síntese, o caminho é árduo, mas é possível ganhar dinheiro sendo YouTuber – particularmente acreditamos que usar seu canal para vender produtos digitais próprios é um dos melhores caminhos para isso.

Se quiser uma ferramenta para ajudar a divulgar esses produtos digitais, recomendamos que conheça a HeroSpark, uma plataforma completa para hospedagem, lançamento, venda e divulgação de produtos digitais de todos os tipos. Você pode começar gratuitamente agora mesmo!

herospark-bottom-banner-venda-seu-produto-digital

Categorias