marketing de diferenciação

Entenda o que é marketing de diferenciação e comece a aplicar em sua estratégia

Cada dia que passa os segmentos se tornam mais e mais competitivos, para conseguir se destacar no meio desse mar velho é preciso ser um grande tubarão, certo? Errado! E o marketing de diferenciação pode te dizer o motivo.

Pode ser do seu interesse –  Marketing de relacionamento: aprenda o que é e se destaque no mercado

marketing de diferenciação

Ficou interessado? Então confira esse blogpost que separamos para você!

O que é marketing de diferenciação?

Antes de saber o que o marketing de diferenciação pode fazer pela sua empresa é preciso saber de fato o que ele significa.

Esta ramificação do marketing é o conjunto de estratégias de divulgação que possuem como objetivo tornar a sua empresa conhecida exatamente por suas particularidades quando comparada com a concorrência.

Como funciona o marketing de diferenciação?

É importante ressaltar que nem tudo o que funciona com uma empresa funcionará com a outra. É necessário encontrar dentro das estratégias disponíveis aquele que mais se adequa às necessidades e capacidades da empresa.

As estratégias mais conhecidas são:

Segmentação

Um erro muito comum de diversos empresários é achar que seu produto não precisa de segmentação, quando na verdade ela é uma aliada essencial das vendas.

Acontece que quando se tem uma boa definição de quem é seu público alvo é muito mais fácil usar não somente a técnica de marketing de diferenciação, mas também diversas outras estratégias que visam falar diretamente com o público, criando um vínculo de confiança e credibilidade.

Além de proporcionar a criação de propostas valiosas, onde se sanam as necessidades dos consumidores e os mantém sob o encanto da a marca, afinal ela atende a um nicho específico.

Posicionamento

Depois de encontrar em qual segmento você se encontra é necessário se posicionar em relação ao mercado.

O posicionamento mais buscado e  valorizado é o Top of mind, ou seja, o topo da mente. Isso se refere a quando uma marca é a líder de seu segmento na mente do consumidor, por exemplo, a Coca-Cola quando falamos em refrigerante.

Essa é a categoria mais difícil de se conquistar e dificilmente alguém que chegou depois da líder conseguiu tomar essa posição.  

Mas não se assuste, mesmo que você não seja o primeiro no seu segmento ainda é possível se destacar. Para isso você pode contar com a ajuda de uma boa comunicação visual, é através dela que seus consumidores poderão se lembrar da marca antes mesmo de escutarem seu nome.

Um bom exemplo de uma marca que apesar de não ser a primeira na mente do consumidor ainda sim conseguiu um posicionamento no mercado é a Pepsi, que depois de tentar bater a líder durante anos, finalmente se contentou com o segundo lugar.

Um marco desse posicionamento foi o lançamento do seu novo slogan “Pode ser Pepsi”, fazendo alusão que na falta da sua maior concorrente ela sempre estaria ali para o consumidor final. Com isso a marca se tornou a primeira a ser a segunda em seu segmento.

Além dessas duas maiores formas ainda é possível se diferenciar por:

  • Preço;
  • Produto;
  • Nacionalidade;
  • Campanhas publicitárias.

Depois das nossas explicações é impossível continuar no mesmo ponto de tanta competitividade. Comece a aplicar as estratégias de marketing de diferenciação hoje mesmo na sua empresa e nos conte o resultado.

Complemente com – Marketing de afiliados: como marcas estão usando essa tendência

Está com alguma dúvida? Escreva-nos abaixo e nós teremos o maior prazer em te ajudar!

CTA Consultoria

consultoria ead


Categorias