como elaborar um programa de treinamento

Como elaborar um programa de treinamento: veja 4 dicas que separamos

Programas de treinamentos são processos internos imprescindíveis para o bom funcionamento de uma empresa. Com eles a empresa capacita os colaboradores, fazendo com que eles estejam mais preparados para lidar com suas atividades cotidianas. É importante ressaltar que programas de treinamentos são diferentes de treinamentos pontuais. O programa visa treinar e desenvolver habilidades técnicas e interpessoais dos colaboradores e o treinamento pontual apenas habilidades técnicas para lidar com situações específicas. Portanto, o programa de treinamento é mais amplo e o impacto é a logo prazo. Se você quer aprender como elaborar um programa de treinamento veja as dicas que separamos em nosso post.

Leia também: conheça 3 tipos de treinamento e desenvolvimento

Case WiseUP - MOFU Enterprise

Para que o programa de desenvolvimento seja colocado em prática de forma efetiva dentro da empresa, é necessário mesclá-lo às estratégias do negócio. Dessa forma, é possível entender quais passos devem ser dados para chegar aos resultados esperados.

 

como elaborar um programa de treinamento

 

Saiba como elaborar um programa de treinamento

Um treinamento isolado em si é mais imediatista, resolvendo questões pontuais. Portanto, tem resultados mais efêmeros se comparados com a aprendizagem contínua. Já o programa de treinamento é um processo de capacitação e desenvolvimento profissional do colaborador. Para que ele aprenda a lidar tanto com questões técnicas do dia a dia quanto com situações que demandam conhecimento interpessoal.

Para aprender como elaborar um programa de treinamento é necessário, antes de tudo, um bom planejamento para que na execução tudo ocorra da forma como se espera. O ideal é que gestores e profissionais do RH se juntem para realizar esse planejamento. Assim é possível fazer com que pequenos passos de desenvolvimento transformem-se em resultados positivos para a empresa e para o colaborador.

Passo a passo de como elaborar um programa de treinamento

1- Entender as necessidades da empresa e dos colaboradores

O planejamento é o primeiro passo para que o programa de treinamento seja feito, mas antes disso é necessário entender as necessidades da empresa e dos colaboradores. Se for necessário, é possível aplicar uma pesquisa de clima organizacional para entender as falhas de processos. Além de fazer um levantamento para pontuar as metas e objetivos da empresa.

Nesse momento de levantamento de necessidades, é preciso ter atenção para entender os resultados esperados. O programa de treinamento trabalha com demandas de caráter de desenvolvimento, ou seja, toda e qualquer demanda que seja sobre gestão ou logística, por exemplo, não entram. Em questões de desenvolvimento o treinamento pode dar todo o suporte necessário.

2- Planejar o programa de treinamento

Depois de entender bem as necessidades da empresa e dos colaboradores, é preciso fazer um planejamento do treinamento. O ponto mais importante deste passo é entender como passar conhecimento e desenvolver habilidades de acordo com o que ficou determinado na primeira etapa.

No planejamento é pensado toda a estrutura do processo de treinamento. Desde o que deve ser ensinado, de qual forma, a necessidade dessas informações, até o local a ser realizado e o valor a ser investido. Portanto, esse é o momento de você colocar no papel todo o esqueleto do treinamento. Ele será o alicerce para todo o processo.

Um ponto importante que muitas vezes é esquecido é qual o formato e metodologia que serão utilizados no treinamento. Esses pontos também devem ser definidos no planejamento. Portanto, entenda se atualmente a empresa consegue investir em um treinamento tradicional, que é o presencial, ou se de acordo com as necessidades e possibilidades, pode investir em um treinamento a distância. Essas definições impactam diretamente na forma como o conteúdo será absorvido e também no valor a ser investido.

Para entender mais sobre o treinamento a distância leia nosso post “aprenda a engajar funcionários através do ensino a distância” e veja como o EAD pode ajudar sua empresa nesse processo.

3- Colocar o plano em prática

Depois de todo o trabalho de pesquisa e análise das necessidades, planejamento e estruturação do programa, chegou a hora de começar a colocar em prática. O processo para entender como elaborar um programa de treinamento não termina na estruturação. Colocar o programa em prática também faz parte da elaboração, pois assim é possível ver melhorias e erros que só poderiam acontecer no momento em que o programa é realizado.

Para colocar em prática o programa de desenvolvimento é necessário dividir as tarefas entre os executores. Além de divulgar o programa para os colaboradores, bem como aplicar a metodologia que será utilizada.

Antes que de fato o treinamento comece, os responsáveis pelo desenvolvimento do programa devem produzir os materiais que serão utilizados. Todos de acordo com a metodologia a ser utilizada. Por exemplo, se o treinamento for a distância faz mais sentido que o material seja digital, para que o colaborador tenha acesso a ele no momento do treinamento.

O local em que o treinamento vai ser realizado deve ser preparado. Seja ele presencial ou virtual. Todos os equipamentos e possíveis dúvidas que os colaboradores possam ter já devem ter sido calculadas para que no momento em que estiver sendo praticado eles não hajam impedimentos para uma boa execução.

4- Avaliar e analisar os resultados obtidos com o programa de treinamento

Depois de todo o esforço para a realização do treinamento chega a hora de fazer uma avaliação. É isso o que possibilitará o entendimento se o treinamento deu resultados positivos e os esperados.

Por exemplo, o treinamento pode ter sido muito bem executado conforme o planejamento. Todas as dúvidas foram sanadas e estava tudo dentro do esperado. Mas no final não trouxe resultados reais para o colaborador e para a empresa. Portanto, é necessário atentar-se para essa fase final.

E, apesar de ser a última etapa, não quer dizer que o programa de treinamento acabe por aqui, pois novas necessidades podem surgir e essa análise pode ser essencial para os próximos treinamentos.

Para analisar os resultados peça feedback para quem participou, para os envolvidos no desenvolvimento e para quem colocou o plano em prática. Entenda quais resultados a empresa e cada colaborador obtiveram após esse treinamento. Eles estão melhores e mais próximos da meta?

Observe se o comportamento dos colaboradores teve mudanças após o treinamento. Quanto mais assertivo ele for, mais impactante nesta área ele será.

 

Agora que você já sabe como elaborar um programa de desenvolvimento, comece a colocá-lo em prática dentro da sua empresa e acompanhe o desenvolvimento.

 

Teste gratuito - enterprise


Categorias