funil de vendas

Funil de vendas: entenda o conceito e como aplicá-lo

Você sabe o que é o funil de vendas? O método, que é formado por um conjunto de etapas, auxilia na conquista e conversão de visitantes em clientes fiéis. Assim sendo, de tempos para cá, essa tem se tornado uma das mais poderosas armas para empresas que desejam melhorar seu desempenho no mercado a atuar de maneira efetiva da decisão de compra do cliente.

Seja para a comercialização de produtos ou serviços, não há dúvidas de que conhecer e aplicar o conceito do funil de vendas pode representar uma grande alavancagem para a sua marca. Ainda, é possível que você até já utilize algumas das estratégias, mesmo sem saber efetivamente como elas funcionam.

– Complemente a leitura com: Como criar um funil de vendas: aprenda hoje a organizar o seu

Agora, ao ler esse artigo, você terá um melhor domínio sobre o assunto e poderá usar de maneira efetiva todas as facilidades garantidas pelo funil de vendas. Confira como:

funil de vendas

O que é o funil de vendas?

Primeiramente, é fundamental entender o que é esse método. Assim sendo, o funil de vendas é uma ação estratégica que revela a jornada do cliente. Esse conceito faz com que a empresa tenha o domínio e conhecimento da relação com esse consumidor desde o primeiro contato dele com a empresa até o fechamento do negócio. O objetivo é oferecer um suporte durante toda a jornada de compras do consumidor.

Como o nome sugere, o funil de vendas é representado em formato de funil – ou triângulo invertido. Assim, é dividido em algumas etapas, sendo a primeira mais ampla e a última menor. A parte maior é conhecida como topo de funil. Então, passa-se para o meio de funil e, por fim, ao fundo do funil. Explicaremos como funciona cada uma dessas segmentações:

Topo de funil

Essa etapa consiste no primeiro relacionamento da marca com o visitante. É durante essa fase que o futuro cliente descobre que tem uma necessidade, um problema a ser resolvido ou encontra uma nova oportunidade atraente. Em outras palavras, é hora de informar e educar o visitante. Como fazer isso? Oferecendo materiais relevantes, com assuntos que estejam relacionados com o interesse do público – e que solucionem as dúvidas que ele tem.

Aqui, uma dica importante a ser seguida é produzir materiais ricos – como e-books e infográficos. Você pode deixar esses conteúdos disponíveis para o download mediante o preenchimento de um formulário simples. Assim, você passa a ter o contato do seu prospect e sabe demais informações importantes sobre eles. Nome, e-mail e profissão podem ser requeridos nesse formulário, por exemplo – pense em quais informações são relevantes para a sua empresa.

Ao fazer isso, o visitante mostra que há um primeiro interesse naquilo que está sendo oferecido pela sua empresa. Assim, é mais fácil fazer com que o visitante avance no funil de vendas. Então, é possível partir para a próxima fase.

Meio de funil

Agora que você já despertou o interesse do seu lead, ele já possui conhecimento sobre o assunto. Ou seja: reconhece que possui algo a ser resolvido – um problema ou uma oportunidade, como citado acima. Então, está em busca de resolver essa questão.

O meio de funil é a etapa em que o visitante se tornou lead. Agora, cabe a empresa selecionar os leads qualificados. Assim sendo, é importante analisar se ele tem o perfil de cliente ideal para a sua empresa e está disposto a investir em seu produto ou serviço.

Nessa etapa do funil de vendas o objetivo da empresa é criar um senso de urgência a fim de que o lead efetivamente queira resolver aquilo que o incomoda. É claro que é necessário respeitar o tempo de pesquisa deste prospect, porém, é fundamental auxiliá-lo e oferecer suporte para agilizar o processo.

– Leia também: Comece uma estratégia de nutrição de leads para gerar mais vendas

A empresa deve compreender que no meio de funil o objetivo é criar confiança com o lead. Ajudá-lo oferecendo técnicas e dicas importantes. Amadurecer e qualificar os leads ao invés de tentar vender uma solução de maneira “forçada”. Aqui, mostre, de maneira sutil, que a sua solução é a melhor, mas de forma mais genérica, sem voltar a atenção para a sua empresa- o foco deve ser em como isso irá ajudar o cliente em potencial. Assim, você deixará os leads prontos para chegarem na próxima etapa.

Fundo de funil

O fundo de funil é a etapa onde estará um menor número de pessoas, porém, as mais qualificadas para a sua empresa. Esse é o momento da decisão de compra. Aqui, os prospects estão praticamente prontos para serem abordados pelo time de vendas. Afinal, mais do que cientes do problema/oportunidade, eles estão prontos para encontrar a solução.

Os termos que definem os materiais de fundo de funil são: persuasão e convencimento. Assim sendo, é o momento de deixar claro todas as vantagens ao se tornar cliente da sua empresa. Como? Por meio de dados, gráficos, depoimentos de clientes satisfeitos, cases de sucesso, entre outros. Mostre que você é o parceiro perfeito.

Dessa forma, o funil de vendas é concluído quando o prospect efetiva a compra e se torna cliente.

Funil de vendas: a conversão de visitantes em clientes

De maneira resumida, o funil de vendas possui essa função: converter os visitantes em clientes. Isso tudo de maneira organizada. Confira:

Visitante > conversão em lead / prospect > nutrição, qualificação e segmentação de lead > decisão de compra > cliente.

Essas conversões são feitas por meio da produção de materiais ricos, que eduquem e valorizem o seu público. Ainda, também é importante oferecer e garantir um bom suporte e atendimento aos visitantes, leads e clientes. Somente assim é possível estabelecer um relacionamento mútuo de confiança.

Após a conversão de leads em clientes, cabe à empresa saber como fortalecer e otimizar o relacionamento com esse consumidor. Vale a pena ressaltar que: manter um cliente é mais barato do que adquirir novos. Por isso, é importante que a marca saiba como fazer isso.

– Confira: Saiba tudo sobre o custo de aquisição de clientes e comece a reduzi-lo

Pronto para fazer o seu funil de vendas?

Uma empresa com um funil de vendas bem estruturado faz com que sejam realizadas ações com melhor desempenho. Isso porque essa estratégia também permite que o gestor saiba como está o trabalho da sua equipe e verifique se há alguma falha na hora da conversão de visitantes em leads – e de leads em clientes.

Dessa forma, é possível concluir que: conhecer e investir no funil de vendas é fundamental para a sua empresa conquistar e manter os clientes. E você, já conhecia esse método? Coloca em prática as ações sugeridas pelo funil? Então deixe seu comentário!

CTA ebook cursos online

Planejamento de curso


Categorias