realidade virtual

Realidade Virtual: como isso está mudando a tecnologia

Realidade virtual é a tecnologia de interface, através de um ambiente simulado que, como o nome já diz, recria o mundo real de forma alternativa e convincente.

A realidade virtual não trabalha apenas com efeitos visuais, instiga também outros sentidos, com estímulos sonoros e até mesmo táteis. Através de óculos VR e headsets, e do bloqueio de estímulos externos, é criada uma verdadeira imersão em ambiente virtual.

 

realidade virtual

 

Para que serve a realidade virtual?

Popularizada através dos games e outros setores de entretenimento, se engana quem pensa que esse tipo de tecnologia é aplicada somente nesse tipo de produto. Trabalhar com ambientes simulados virtualmente é uma tendência que tem atingido em cheio outras áreas.

Hoje já é amplamente utilizada em treinamentos militares, por exemplo. O mesmo vale na arquitetura e engenharia para simular o resultado final de uma obra, através de simulações cirúrgicas para alunos de medicina, para prática esportes físicos…

Leia também: ambiente Virtual de Aprendizagem: o que é e como utilizá-lo.

Esse tipo de tecnologia é criada a partir de sistemas computadorizados e está em constante evolução. Existe muito dinheiro envolvido em pesquisa e desenvolvimento de realidade virtual.

Como funciona na prática?

A realidade virtual funciona através de dispositivos de VR (do inglês Virtual Reality), que tornam possível criar um ambiente alternativo.

A realidade virtual é aplicada nesses dispositivos, não apenas através de imagens planas. É necessária a criação de duas imagens, uma para cada olho, para dar a impressão de profundidade. O cérebro faz o trabalho dele ao interpretar que tudo faz parte de uma imagem só.

O primeiro dispositivo criado com essa função foi o estereoscópio, criado pelo físico Charles Weatstone. Para se ter ideia de como esse é um tema de interesse da nossa sociedade, a criação desse primeiro instrumento data de 1838. Claro que ele era uma versão muito mais simples do que encontramos hoje, mas já tentava simular uma impressão de visão tridimensional diferente da realidade.

O boom desse tipo de tecnologia aconteceu na década de 90, com investimentos e pesquisas impulsionada pela área de games. Nesses anos, foram criados diversos dispositivos de realidade virtual, como o Sega VR (1991), Virtuality Pod (1991) e Nintendo Virtual Boy (1995).

A realidade virtual atualmente

Hoje, depois de muito avanço nesse setor, a tecnologia funciona até mesmo através de smartphones, com aplicativos criados para esse fim e com headseat acoplado, que cubra os olhos.

Tecnologias 3D, correção da distorção das lentes e a sincronia com os movimentos da cabeça, tornam a experiência mais real. Através dessas ferramentas e estímulos, seu cérebro entende que seu corpo está de fato nessa nova realidade.

O mais popular entre as versões disponíveis hoje são os óculos VR. Várias opções, com diferentes custos e de diversas marcas podem ser encontradas no mercado hoje. Se até há alguns anos a realidade virtual era muito cara e pouco acessível, isso hoje não é mais verdade.

Entender a realidade virtual e como ela funciona é muito importante, uma vez que ela estará presente no nosso dia a dia de forma cada vez mais intensa.

 

CTA Demonstração 2

demonstração eadbox


Categorias