herospark-midi-banner-venda-seu-produto-digital

Uma das lições que os profissionais de marketing aprenderam no último ano é que é preciso criatividade e estratégia para se destacar no cenário digital. 

Há muito mais conteúdo disponível agora, então coloque-se no lugar do público para ter uma ideia do que eles tendem a priorizar frente a tantas opções.

A resposta está nos recursos visuais. Os textos, embora explicativos e úteis, requerem mais esforço e intenção por parte do usuário. E quanto mais esforço o público tem que fazer, menos engajamento você vai ter. 

É tarefa dos profissionais de marketing garantir que os clientes assimilem as informações facilmente. A melhor forma de fazer isso é através do conteúdo visual. 

Os recursos visuais ajudam a quebrar a monotonia do texto para aumentar a retenção de usuários em uma página. Sem falar no impacto que o conteúdo visual pode ter nas estratégias de SEO e design thinking.

O que é conteúdo visual e como ele ajuda a atrair clientes online

Todos os elementos visuais incluídos em blogs, landing pages, aplicativo, redes sociais e newsletters podem ser incluídos na categoria de conteúdo visual, que pode ser dividida em tipos como banners, flyers, infográficos, mapas mentais, por exemplo.

A seguir, vamos explorar alguns dos principais tipos de conteúdo visual e apresentar ideias de como usá-los para atrair clientes online. 

5 Tipos de recursos visuais para atrair clientes

Existem vários tipos de conteúdo visual que os profissionais de marketing podem usar para atingir seu público-alvo. Mas quais são as principais categorias de conteúdo nas quais os profissionais de marketing devem focar sua atenção?

Compartilhamos cinco tipos de recursos visuais que os profissionais de marketing podem criar para aumentar seu público.

1. Storytelling

Os dados se tornaram um dos tipos mais importantes de conteúdo visual online. Mas compartilhar dados brutos com o público sem contexto pode fazer mais mal do que bem.

Por mais interessantes que sejam, os dados muitas vezes podem parecer confusos para o público. O que os números e porcentagens significam para o consumidor? O que se espera que eles façam com as informações?

Cabe às equipes de marketing projetar conteúdo que torne seus dados mais acessíveis a um público mais amplo. Existem várias maneiras de visualizar números para que o público possa entender a mensagem da marca.

Adote uma abordagem narrativa dos dados. Adicione legendas às porcentagens. Use ícones para ilustrar números. Veja um exemplo de infográfico que usa a técnica de data storytelling para apresentar dados de forma atraente e memorável:

exemplo de infográfico

Os recursos visuais ajudam os usuários a se conectarem com os números, o que torna as histórias por trás dos dados mais atraentes e memoráveis.

2. Infográficos

Seguindo o ponto anterior, uma ótima maneira de contar histórias com os dados é criando infográficos.

Um aspecto que torna os infográficos tão bons para comunicar é que eles combinam vários elementos para compartilhar uma mensagem. Esses elementos incluem texto, imagens, ilustrações, ícones e gráficos.

Os infográficos têm vários usos. Eles podem ser projetados para postagens de blog, compartilhados nas mídias sociais, incluídos em apresentações, reaproveitados para vários canais e podem ganhar backlinks.

Projetar infográficos do zero pode ser um desafio. Mas existem recursos online para ajudar os profissionais de marketing a criar modelos de infográficos simples, como o abaixo.

Os infográficos tornam o conteúdo complexo mais atraente e incentivam os usuários a permanecerem em uma página por mais tempo, aumentando o engajamento.

3. GIFs e memes

Há um equívoco comum de que o marketing de conteúdo visual precisa ser sério. Mas isso está longe da verdade. O humor é muito apreciado, especialmente em momentos conturbados como este. 

GIFs e memes podem trazer a leveza tão necessária para campanhas de marketing. E os usuários online já estão familiarizados com esses recursos visuais.

Essa familiaridade significa que há menos trabalho a fazer para os profissionais de marketing e mais fácil construir conexões emocionais com os consumidores.

Memes e GIFs já têm suas próprias histórias para compartilhar. Os profissionais de marketing simplesmente precisam explorar a história existente e adaptá-la para sua marca.

4. Apresentações e slides

Há ferramentas largamente utilizadas no trabalho remoto que os profissionais de marketing podem aproveitar mais – apresentações de slides.

As organizações criam apresentações o tempo todo, então por que não reaproveitá-las para atrair clientes online?

Alguns podem exigir apenas alguns ajustes para serem compartilhados externamente, mas apresentações de slides podem ser convertidas em vídeos para compartilhar nas redes sociais ou oferecidas para download, gerando mais leads.

Se você já está criando esses tipos de conteúdo visual internamente, também pode compartilhar o que puder externamente e usá-los para aumentar seu público. Aproveite para enviar dicas e educar o seu público. 

Aposte em recursos como mapas mentais e alguns tipos de fluxogramas, como infográficos de processo, voltados a explicar fluxos de trabalho e dar instruções sobre como completar tarefas.

5. Vídeos e Lives

Os vídeos são um tipo popular de conteúdo visual há algum tempo, mas os profissionais de marketing sabem que criar vídeos é uma tarefa difícil. 

Apesar das inúmeras ferramentas de criação de conteúdo de vídeo que facilitam o processo e apesar de o vídeo ser uma ótima maneira de aumentar a fidelidade do assinante, os profissionais de marketing não estão totalmente à vontade para assumir essa tarefa.

Mas há uma maneira de tornar o processo mais simples: transmissão ao vivo. Esta é uma tendência de marketing de conteúdo que veio para ficar e não requer a mesma quantidade de esforço.

Uma câmera e microfone de telefone ou laptop é tudo o que você precisa para transmitir ao vivo em plataformas sociais ou software de videoconferência. E essas transmissões ao vivo também são interativas. Você pode aproveitá-las para receber feedback e ter novas ideias. 

A maioria das ferramentas permite que os usuários salvem a transmissão ao vivo como um vídeo para compartilhar mais tarde. Não é de surpreender que os profissionais de marketing estejam usando essa ferramenta visual para alcançar o público. 

Você pode transmitir em uma plataforma pronta, como Youtube e Vi​​meo ou desenvolver sua própria plataforma de streaming, dependendo das suas necessidades.

Melhores práticas de criação de conteúdo visual

Compartilhamos a importância da criação de conteúdo visual e os tipos de conteúdo que podem ser criados. Mas existem algumas práticas recomendadas que também precisam ser reconhecidas.

Siga as regras de design de conteúdo visual. Os profissionais de marketing devem entender e seguir estes princípios de design gráfico estabelecidos:

  • Agrupe elementos semelhantes
  • Crie uma hierarquia visual 
  • Mantenha os tamanhos consistentes
  • Use cores para dar destaque aos pontos mais importantes
  • Mantenha o espaço em branco ao redor dos elementos

Os gráficos originais fazem são mais eficazes, já fotos de banco de imagens são fáceis de usar. Existem vários sites onde os profissionais de marketing podem obtê-las gratuitamente. Mas as fotos de banco de imagens também são reconhecíveis como tal e não empolgam tanto.

Para causar impacto com o conteúdo visual, os profissionais de marketing precisam criar conteúdo original. Visuais como fotografias de funcionários no trabalho ou vídeos de bastidores são sempre populares.

Esses visuais também ajudam a construir conexões emocionais entre marcas e clientes, mostrando o lado humano da empresa.

Identidade de marca. Há muito conteúdo disponível online agora. Como os consumidores devem lembrar de quem é o conteúdo que pertence a quem? Por isso a identidade de marca é tão importante.

O conteúdo visual deve incluir a voz da marca. Logotipos, cores e fontes de marca devem ser visíveis, mas não sobrecarregados. Esses elementos farão com que as marcas se destaquem online.

Crie conteúdo visual que seja acessível. Nem todo mundo experimenta o mundo da mesma maneira. É por isso que os profissionais de marketing devem estar projetando para a diversidade.

O que isso implica? Significa coletar dados sem preconceitos e tornar o visual significativo para diversos públicos. Crie designs acessíveis a pessoas com deficiência visual.

Reaproveite o conteúdo visual. Os recursos visuais não são ferramentas de uso único. Você pode usar o mesmo visual de várias maneiras. Um infográfico pode ser usado em um blog, em uma newsletter, ou uma apresentação.

Mas você também pode dividir o infográfico em postagens menores para redes sociais. Os dados e informações no gráfico podem ser reaproveitados para webinars ou eBooks.

Quando se trata de redirecionar conteúdo visual, não há limites.

Conclusão

Embora o texto possa ser atraente, o seu consumo é um processo trabalhoso para os usuários. Com tanto conteúdo para escolher, os profissionais de marketing precisam ser criativos para chamar a atenção para sua marca e atrair clientes.

É por isso que a criação de conteúdo visual se tornou uma ótima ferramenta para alcançar o público. Os recursos visuais podem ser compartilhados em várias plataformas e atrair uma variedade de usuários.

Em nosso guia, compartilhamos os muitos elementos que compõem o conteúdo visual e as melhores práticas que os profissionais de marketing podem seguir para criar designs que causem impacto.

herospark-bottom-banner-venda-seu-produto-digital

Categorias