treinamento motivacional

Treinamento motivacional: como montar um para sua equipe

Para ter bons resultados é necessário ter uma equipe engajada com o trabalho e os resultados da empresa. Para que isso aconteça de forma eficaz, o treinamento motivacional é indispensável,  para manter uma equipe continuamente engajada e motivada para a rotina empresarial. Isso se faz necessário, pois por mais que o colaborador goste do seu trabalho, é inegável que em algum momento ele se sentirá cansado. A motivação deve ser trabalhada todos os dias ou, pelo menos, sempre que possível.

Uma empresa depende diretamente do empenho e desempenho de seus colaboradores. O resultado e os lucros estão intrinsecamente ligados a esses índices. Um colaborador desanimado rende menos, mas isso pode ser superado, basta ter um treinamento adequado.

Veja também: como a motivação afeta a si e aos seus colaboradores.

 

treinamento motivacional

 

Mas por que um treinamento motivacional?

A motivação é o principal elemento para um trabalho bem feito. Todo colaborador já teve seu dia ruim (às vezes dias) e isso faz com que pensamento negativos desviem-o do seu objetivo. Geralmente, quando isso ocorre, são poucos os colaboradores que pedem ajuda para colegas de trabalho ou mesmo para seus superiores, gerando um mal estar generalizado, fazendo com que o rendimento caía e que seus superiores não entendam o motivo que desencadeou isso.

A motivação em si precisa, antes de tudo, partir do próprio colaborador, como forma de conhecimento de si mesmo, de suas emoções e pensamentos. A partir daí é possível ter um entendimento mais completo (além do autoconhecimento gerado), além de saber por onde começar.

Como fazer um treinamento motivacional eficaz?

O primeiro passo é definir o público do seu treinamento motivacional, ou seja, separar as áreas de atuação por treinamento. Quanto mais segmentados estiverem seus grupos de treino melhor, pois dessa forma é possível fazer um treinamento mais focado.

Em seguida, é necessário traçar estratégias e objetivos que deverão estar atrelados ao público que  fará parte do treinamento. Por exemplo, se o grupo for composto por colaboradores da área de marketing é necessário pensar em objetos que levem uma integração e comunicação dentro da equipe. Cada público terá um objetivo diferente que fará sentido com suas necessidades.

O próximo passo é definir a metodologia a ser utilizada, que pode ser presencial ou a distância. Nesse momento, vale definir a duração do treinamento, sua periodicidade, além de técnicas a serem utilizadas (como por exemplo, uma dinâmica). Nesse passo todos os detalhes devem ser vistos e avaliados criteriosamente para que no final os colaboradores saiam motivados.

Pensar em colocar um treinamento em prática pode parecer trabalhoso em curto prazo, mas à longo prazo os resultados são positivos. Os benefícios são muito, tanto para os colaboradores como da empresa em si:

  • Melhora a eficiência dos funcionários;
  • Contribui na concretização dos objetivos do negócio;
  • Traz estabilidade e força de trabalho.

 

Portanto, se o rendimento de sua equipe está baixo, vale observar se seus colaboradores não estão passando por um momento de baixa motivação. Coloque em prática o treinamento motivacional e veja as melhoras que ele pode trazer para sua equipe.

 

CTA Produtividade

banner ebook produtividade


Categorias