brand equity

Brand Equity: entenda o que é e como aplicar

Para que um empreendimento dê certo é necessário mais do que apenas dinheiro. Quem está no meio empresarial sabe a importância do brand equity, mas nem todos conhecem esse conceito. Existem muitas empresas que, mesmo com altos investimentos, não conseguem ter retornos tão grandes assim. Outras investem na marca e conseguem um retorno muito maior, além de um reconhecimento de mercado.

Se você quer entender mais sobre o tema, acompanhe nosso artigo e tire suas dúvidas.

Veja também: Satisfação do cliente: como conquistar fãs para sua marca

brand equity

Afinal, o que é brand equity?

O termo brand equity está se popularizando nos últimos tempos e é usado, principalmente, por profissionais da área de marketing.

A expressão significa valor da marca, ou seja, é a relevância e importância que determinada marca tem dentro do mercado em que atua. Por se tratar de um valor qualitativo, e não quantitativo (como valores em cima do lucro da empresa), acaba causando dúvidas na definição.

Apesar disso, existem critérios – abstratos – de avaliação. São abstratos por não ter um parâmetro exato de comparação. O brand equity não é somente o reconhecimento de marca no mercado, pois existem exemplos em que a marca é reconhecida negativamente. O fator influenciador é a forma como o cliente compreende a marca, esse olhar causa impactos diretos nos lucros.

Fatores de percepção para o brand equity

As consequências de uma visão deturpada que o cliente tem de determinada marca está diretamente relacionado com o sucesso da empresa. Porém, existem pelos menos três fatores que são influenciados pelo brand equity:

  • Influência da marca no mercado – isso não está relacionado somente com a possibilidade de venda para consumidores. Empresas grandes e com um público fiel mandam e desmandam no mercado, ditando o ritmo e forma de atuação. Quanto maior o poder de uma empresa, mais influência de mercado ela terá;
  • Maior poder competitivo – quanto maior for o poder da empresa e a fidelidade dos seus clientes, maior poder competitivo ela terá. Ou seja, empresas de grande porte  podem, por exemplo, aumentar o valor de um produto sem ter impacto direto na quantidade de suas vendas;
  • Fidelidade dos consumidores – a máxima de que continuar vendendo para um cliente é mais barato que conquistar novos é verdadeira. Ter um cliente leal à sua marca vai além de ter um lucro. É ter um defensor da sua marca e um disseminador da visão da empresa.

Como melhorar a visão de marca?

Existem alguns pontos que são essenciais para a criação e manutenção de um brand equity. A presença no ambiente virtual é imprescindível, portanto é necessário – caso sua empresa ainda não tenha feito – implementar um planejamento de marketing digital.

Quando for falar com seu público, pense na melhor forma de comunicar-se com seu cliente. Isso exige uma linha de comunicação própria, ou seja, entender como abrir um diálogo, o que falar e onde falar. O canal de comunicação faz toda diferença e interfere diretamente na forma como a informação é feita. Para isso é necessário pesquisar e entender onde seu cliente em potencial consome informação. Quanto mais informações você tiver, melhor será para sua empresa.

EADSummit

Eadsummit


Categorias