Controle financeiro de cursos: a prática fundamental para a saúde financeira do seu negócio de cursos online5 min read

Seja um pequeno ou grande negócio, todo empreendedor deve ter em mente que o controle financeiro é essencial para seu funcionamento. Afinal, a dedicação nessa área pode proporcionar, além de sustentabilidade e escalabilidade, a evolução dos resultados.

Principalmente quando falamos em empresas online, o controle financeiro é ainda mais importante. Uma vez que, em muitos casos, o empreendedor gerencia sozinho todo o negócio. Nesse sentido, o controle financeiro de cursos ganha ainda mais relevância, garantindo uma visão panorâmica dos pontos a serem ajustados para otimizar sua lucratividade.  

Já deu para perceber que controle financeiro de cursos é uma ferramenta de diagnóstico essencial para a saúde da empresa. Veja como aplicá-lo de forma prática na sua empresa.

Você também pode se interessar por: Saiba quais são os canais de vendas mais eficientes e escolha os seus

Mas, antes de saber como aplicar, é preciso entender a importância dessa ferramenta. Confira:

Importância do controle financeiro de cursos

O crescimento da empresa é um objetivo que todo empresário procura alcançar. Quando falamos de alguém que gerencia uma empresa de cursos online, a regra é a mesma. E mesmo que o negócio esteja indo bem, cuidar do controle financeiro de cursos e empresas é essencial para garantir lucratividade. Afinal, monitorar constantemente tudo que entra e sai do seu caixa é o ponto chave para evitar problemas financeiros.

Mas, para um diagnóstico completo, é importante considerar tanto entradas e saídas, quanto valores em bancos, contas a pagar e receber, estoque e tudo aquilo que influencia sua empresa financeiramente.

Muito embora pareça ser algo complicado, esse controle não pode ser deixado de lado pelos empreendedores. Até porque a saúde financeira de uma empresa não deve ser sustentada apenas com o aumento no percentual de vendas. Essa é apenas uma das variáveis que contemplam o controle financeiro de cursos.

Pense por um instante. É realmente positivo aumentar 10% nas vendas se os gastos da empresas cresceram 15%? Assim, é possível compreender a importância controle financeiro de cursos e empresas. Um vez que ele analisa as ações econômicas viáveis e proporciona soluções para melhora da saúde financeira.

Como fazer o controle financeiro de cursos online

Embora não exista nenhuma fórmula mágica para colocar o controle financeiro de cursos em prática, listamos algumas dicas. Vamos lá?

1 – Implemente o registro de boletos

Talvez essa seja uma das dicas mais importantes e básicas para o funcionamento de cursos online. No entanto, ela se torna muito útil dada a informação de que muitas empresas aceitam pagamento em dinheiro na própria instituição, aumentando assim os riscos de assaltos, furtos e perda de valores.

O boleto registrado proporciona mais uma segurança à empresa. Uma vez que, ao contrário do boleto simples, ele exige cadastro do banco a ser pago. Além disso, é preciso incluir valor e data de pagamento, sendo preciso informar ao banco caso haja mudanças.

Dessa forma, é possível garantir de modo prático que todos os pagamentos sejam executados na data correta. Apesar de o boleto registrado possui um custo maior, ele representa um mal necessário para o controle financeiro de cursos.

Enquanto o boleto simples se paga somente pela quitação, no registrado é preciso pagar o registro, liquidação, alteração, cancelamento, permanência e protesto.

2 – Controle as entradas e saídas geradas pelos cursos

Acompanhar as entradas e saídas geradas pela empresa é o básico necessário para o controle financeiro de cursos. Algo vital para a lucratividade e competitividade de qualquer empresa no mercado.

Verificar quanto e quando o dinheiro entra e qual destino recebe é essencial para o planejamento e execução de metas. Ter controle sobre essas informações proporciona maior visão de ações futuras para a empresa.

Nesse sentido, apostar em fluxos de entradas e saídas é uma dica bem-vinda para começar a organização. A partir daí, será possível desenvolver um documento para registrar essas informações. Além de incluir ali despesas, investimentos futuras, prevendo o pagamento de forma antecipada.

Além disso, é importante agendar a deixar os pagamentos programados para não deixar atrasar nada!

Atualmente existem softwares para automatização desse processo. Mas, você pode começar com uma planilha simples como a disponibilizada pelo Sebrae.

3 – Atente-se ao percentual de inadimplência

Para que o controle financeiro de cursos ser completamente eficaz é necessário acompanhar a inadimplência de seus alunos. Esse assunto é comum em escolas e empresas.

Afinal, são vários os motivos que podem levar à falta de pagamento da mensalidade. No entanto, cabe ao cedente se organizar e cobrar de forma correta os valores em atraso.

Dessa forma, é importante que a empresa esteja preparada para esse tipo de situação para garantir os direitos de ambas as partes. Existe um manual de regras do que pode e não pode ser feito durante a cobrança de alunos inadimplentes.

4 – Precifique seu curso online corretamente

Independentemente do tamanho da empresa, precificar é sempre um problema. Afinal, é difícil saber se o valor cobrado está justo ou não para o consumidor. No entanto, para o controle financeiro de cursos é necessário que o valor cobrado seja adequado às necessidades da empresa – e de acordo com o que ela entrega para o cliente.

O processo de precificação deve considerar o valor investido para desenvolvimento do curso. Além de custos com contratação de professores, materiais, equipamentos e o valor percebido pelo consumidor. Dessa forma, será possível chegar a um numerador comum positivo para ambas as partes.

Leia mais sobre o assunto: Como precificar um produto ou serviço de forma a garantir seu lucro

Conclusão

É evidente que o controle financeiro de cursos online é importante para garantir o lucro de escolas e empresas. Afinal, através dele torna-se possível identificar a quantidade de vendas necessárias para manter a empresas a empresa em dia com seus custos. Além de acompanhar os casos de inadimplência, cobrar devidamente e se planejar para o futuro.

Gostou de conhecer um pouco mais sobre controle financeiro para cursos? Que tal aplicar esses conceitos em sua empresa? Conte para nós aqui nos comentários!

CTA Consultoria

consultoria ead


Categorias