o-que-e-pipeline-lideranca

O que é pipeline da liderança? Aprenda como desenvolvê-lo na sua empresa6 min read

Você sabe o que é pipeline da liderança?

Ele passou a ser bastante utilizado pelas empresas nos últimos tempos e representa características que toda corporação deseja encontrar em bons líderes e gestores.

O conceito do que é pipeline da liderança está melhor detalhada no livro “Pipeline da Liderança: o desenvolvimento de líderes como diferencial competitivo”, do consultor indiano Ram Charam em parceria com Stephen Drotter e James Noel.

Aqui resumimos um pouco do que é essa nova ideia de líderes competitivos, efetivos e modernos.

como-desenvolver-lideranca

O que é pipeline da liderança?

Um pipeline da liderança é outro termo para desenvolvimento de liderança. São o contexto visual e o processo em que o desenvolvimento do líder é conceituado, planejado e medido. Seu pipeline da liderança é como você recruta e desenvolve líderes no seu ministério.

O termo tem esse nome pois é um encanamento que se desdobra em diferentes canais. Trazendo para o ambiente corporativo, ele representa o líder que sabe agir em diversas frentes e com vários públicos diferentes. Ou seja: é um profissional que possui um bom pipeline da liderança.

As questões aqui são:

  • Você tem um caminho claro e memorável para desenvolver líderes em todos os níveis da sua empresa?
  • A maioria das pessoas entende e sabe onde eles estão nesse caminho?

Se não, você precisa avaliar como você está desenvolvendo líderes.

As 6 etapas do pipeline da liderança

Todas as pessoas produzem de forma melhor quando possuem bons líderes. E bons líderes são aqueles que inspiram por meio do exemplo diário. Mas também vai além disso.

Ser um bom líder não é uma tarefa fácil. Por isso é importante que a empresa invista em um processo de desenvolvimento de gestores. E o pipeline da liderança é uma ferramenta valiosa nessa questão.

Para aprofundar no conceito de o que é pipeline da liderança, vamos ver que uma de suas funções é auxiliar a empresa para planejar a sucessão dos colaboradores que poderão virar gestores em um futuro próximo.

Para isso, a obra de Charam ressalta que o funcionário em questão precisa passar por seis etapas na sua carreira. São elas:

  1. Passar de “gerenciar a si mesmo” para “gerenciar outros”;
  2. Passar de “gerenciar outros” para “gerenciar gestores”;
  3. Passar de “gerenciar gestores” para “gerente funcional”;
  4. Passar de “gerente funcional” para “gerente de negócios”;
  5. Passar de “gerente de negócios” para “gerente de grupo”;
  6. E, por fim, passar de “gerente de grupo” para “gestor corporativo”.

É claro que as funções, dependendo da empresa, podem ter nomes diferentes. Por exemplo, pode não existir um cargo de “gerente funcional” ou “gerente de grupos”. Mas o que importa é a real função desse profissional, que cresce e amadurece dentro da empresa.

Assim, desenvolve-se um pipeline da liderança. Ou seja, sabe-se as melhores maneiras para conversar e agir de acordo com cada necessidade que surgir em seu caminho.

Veja também: O papel da liderança nas organizações e sua influência.

Como o pipeline da liderança auxilia a avaliar competências

Uma das características do pipeline da liderança é avaliar o desempenho, as competências e potencialidades de cada colaborador. A partir de então, foca nas suas principais características e auxilia a planejar a trajetória de cada um – desde a primeira até a sexta etapa de desenvolvimento, citadas acima.

Vale lembrar que o grande sucesso desse formato de pensamento é que ele é extremamente flexível. Ele avalia a competência de cada um de acordo com suas próprias características, Por isso pode – e deve – ser utilizado pelas empresas.

Também é preciso pensar que o pipeline da liderança não é um treinamento isolado, mas sim um conjunto de habilidades e competências – pessoais e profissionais – que são essenciais para serem observadas em um bom líder.

Como desenvolver liderança 

Para colocar em prática o pipeline da liderança e ter sucesso nessa jornada, a empresa deve passar por algumas etapas importantes:

1. Invista no desenvolvimento dos colaboradores

Esse processo de desenvolvimento pode ser feito por meio de treinamentos pontuais e ações contínuas de desenvolvimento. As ações podem ser presenciais ou online, de acordo com a necessidade e disposição da empresa.

Independente do formato escolhido, a corporação deve ter em mente que deve investir sempre no desenvolvimento dos seus funcionários.

Para saber mais sobre a importância de investir no desenvolvimento dos colaboradores, complemente a leitura com: Entenda a importância do desenvolvimento de pessoas nas organizações.

2. Ofereça transparência e acessibilidade na comunicação

Todos devem saber o que está acontecendo na empresa. Por isso é importante investir na comunicação transparente e no feedback.

Um sistema transparente faz com que o colaborador sinta-se mais motivado e saiba o que deve melhorar para alcançar o próximo nível no pipeline da liderança. E essa comunicação deve ser fácil, clara e objetiva.

3. Documente o desenvolvimento de cada colaborador e foque nos dados

Toda empresa deve sempre metrificar e mensurar seus ganhos e desenvolvimento. Isso também é válido se tratando do desempenho de seus colaboradores. Um grande auxílio de documentar o desenvolvimento dos colaboradores é saber quantos deles estão preparados para assumir os cargos de chefia da corporação.

Os dados auxiliam a enxergar de maneira concreta o desenvolvimento de cada um. Podem ser medidos de acordo com a capacidade de produção do colaborador, seu relacionamento com a equipe, o respeito aos prazos, se ele serve como inspiração para outras pessoas, tem uma boa postura, etc.

Principais vantagens em investir no pipeline da liderança

  • Melhora na performance individual e das equipes: os colaboradores participam de um processo transparente de desenvolvimento. Isso faz com que sintam-se motivados e importantes para a empresa. Também entendem o que precisam fazer para alcançar seus objetivos;
  • Não tolerar os resultados ruins: muito pelo contrário, conhecer o que causa esses problemas e tomar atitudes adequadas para resolvê-los;
  • Diminuição de absenteísmo. Se você não sabe o que é, veja: Absenteísmo: Saiba o que é e como reduzir este índice em sua empresa;
  • Acertar na hora de fazer a seleção de sucessores para os cargos de liderança. Afinal, conhecendo bem o colaborador, você sabe se ele passou pelas 6 etapas do pipeline da liderança e finalmente está apto para assumir uma maior responsabilidade na empresa.

Em meio às mudanças recorrentes do mercado, investir em um bom pipeline da liderança é um diferencial de mercado. Isso porque auxilia a tornar a empresa mais competitiva, pois passa a contar com profissionais adequadamente preparados para os cargos de liderança.

Consequentemente, com posições de liderança bem ocupados, a empresa tem um melhor clima organizacional, comunicação, feedback e níveis de produtividade.

A sua empresa conhece o que é pipeline da liderança? Compartilhe conosco o que você pensa sobre esse formato de desenvolvimento e sucessão de líderes.

CTA Produtividade

banner ebook produtividade


Categorias