Aprenda hoje a gerar engajamento e evangelizar seus alunos

Aprenda hoje a gerar engajamento e evangelizar seus alunos

Para quem está trabalhando no mercado de cursos online, por mais que você tenha uma boa saída de vendas, existe uma coisa que é difícil fazer: engajar os seus alunos e fazer com que eles sigam a sua marca, seja ela pessoal ou da sua empresa.

Mas antes de entrarmos no mérito de como engajar os seus alunos, precisamos compreender o que é gerar engajamento. Basicamente, gerar engajamento se dá a partir do relacionamento, interação ou envolvimento do cliente com uma marca. O conceito que vamos tratar neste texto também vai tratar do engajamento nas redes sociais, pois ele é importante, porém vamos deixar claro logo de cara que engajar os seus alunos é muito mais do que a quantidade de likes em suas publicações no Facebook ou até mesmo a quantidade de visitas em seu site.

Com isso posto, vamos começar com o mais simples: as redes sociais. Papel e caneta na mão? Vamos aprender então.

Aprenda hoje a gerar engajamento e evangelizar seus alunos

 

Como gerar engajamento ?

Existe uma definição, criada por Brian Haven, do Instituto Forrester Research, que ajuda a interpretar os tipos de sentimento para gerar engajamento.

    • Interação: aqui é todo e qualquer tipo de ato no qual o seu aluno, e até mesmo prospect, vai interagir com você. Pode ser desde discussões em fóruns, pedidos de informações inbox, comentários ou qualquer tipo de ação que tenha a iniciativa do usuário em entrar em contato com você ou com sua marca.
    • Envolvimento: esta parte é o lugar comum, medido através das métricas de número de visitas ao site, número de páginas visitadas e o tempo gasto em cada uma delas.
    • Intimidade: agora começou a ficar mais interessante. Este é um medidor para calcular o impacto de uma pessoa para uma marca. Quais os sentimentos registrados em suas palavras dirigidas à empresa pelo atendimento e mídias sociais. Para você obter esta métrica é necessária uma ferramenta de monitoramento de mídias sociais, mas você só consegue captar os dados dos usuários que interagem com você. Quanto mais dados você conseguir através desta métrica, melhor. Apenas em grandes quantidades ela costuma ser efetiva.
    • Influência: é aqui que nós queríamos chegar. Qual é a probabilidade de você influenciar uma pessoa, ou um grupo de pessoas a fazer uma compra? Isso é o que chamamos de “evangelização”, que é quando a sua lista de contatos passa a seguir os seus ensinamentos. Mas como atingir isso?

 

Conteúdo compartilhável e com qualidade

Para você conseguir alcançar um patamar de um influenciador, você precisa alcançar um grande número de pessoas. Por isso criar conteúdos que sejam “compartilháveis” é interessante. Vamos dar um exemplo simples para quem trabalha com vídeo aulas sobre música: compartilhar uma imagem com um trecho de uma música que tenha uma certa poesia certamente irá trazer curtidas e compartilhamentos. O algoritmo do Facebook vai compreender que o que você postou por último teve um grande envolvimento e vai entregar o seu próximo conteúdo para mais pessoas.

Essa é a hora para você apostar em um conteúdo rico, com muita qualidade, atraindo este público para a sua base de leitores.

Aprenda hoje a gerar engajamento e evangelizar seus alunos

Vale lembrar que o posicionamento da sua marca é importante. O seu conteúdo das suas redes sociais precisa conversar com a sua marca. Por exemplo, se a sua vídeo aula é focada em violão clássico, compartilhar letras de funk não faz sentido, pois você vai acabar trazendo um público muito diferente do seu público alvo. Saiba quem é o seu público alvo e construa sua marca em cima deles.

Uma estratégia de marketing focada em construir um público fiel e entregar melhor conteúdo para os reais fãs da marca foi realizada pelo Burguer King da Noruega e se tornou um case. A empresa distribuiu um voucher de lanche de graça no McDonald’s, mas em compensação, quem adquirisse o voucher seria banido da página oficial.

O resultado foi que a página diminuiu de 30 mil para 8 mil fãs. Entretanto, a estratégia fez com que o engajamento aumentasse 5 vezes e todo o conteúdo era gerado diretamente para esta base específica de fãs, que eram verdadeiros defensores da marca.

O que podemos aprender desta estratégia é o seguinte: likes não bastam, você precisa ter o diferencial, mas como alcançá-lo?

 

O segredo para se tornar referência

De nada adianta você ter o melhor curso online do planeta, se o seu atendimento não funcionar. O bom de trabalhar com o ensino a distância é que você pode fazer um modelo de negócios escalável, de uma maneira que você aumente a quantidade de pessoas que prestam o atendimento de acordo com a quantidade de alunos que você possui.

Aprenda hoje a gerar engajamento e evangelizar seus alunos

Digamos que você tenha uma base ativa na média de 30 alunos, e que eles fiquem por volta de duas semanas fazendo o seu curso online. É bem provável que você consiga fazer o atendimento do seu aluno sozinho, mas se este número de alunos subir para 5 mil já fica complicado, não é mesmo?

Atender bem o seu aluno é o segredo. Mas não se engane com o ditado que “o cliente tem sempre razão”, existem regras e elas precisam ser seguidas, seja por você, seja pelo aluno. O segredo do bom atendimento não está em você fazer tudo o que o cliente quer, mas em fazer com que ele entenda as regras do jogo desde o início. Por exemplo, não há problema algum você dizer para o aluno que ele vai precisar esperar 20 dias úteis para receber seu dinheiro de volta, desde que haja um motivo para este prazo. Enviar uma mensagem a cada 3 ou 4 dias dando um feedback de como está a situação do atendimento é de bom tom.

Essas medidas vão fazer com que ele, mesmo saindo do seu curso online, fale bem do seu atendimento. Ele pode até não se tornar um fã ou defensor da sua marca, mas certamente ele não irá se tornar um ofensor da marca. Sabemos que no mundo das mídias digitais um único vídeo pode causar um prejuízo enorme.

Agora que você já sabe os primeiros passos para se tornar uma referência, você precisa de uma plataforma que seja completa e intuitiva, para que o seu aluno tenha a melhor experiência possível e gerar engajamento.

CTA Trial

trial


Categorias